Lua Cheia Virgem-Peixes

Lua Cheia Virgem – Peixes

As Penumbras Partes De Nós Mesmos

A Lua Cheia de Virgem-Peixes traz-nos à consciência a polaridade tensa do eixo existencial entre os domínios espiritual e material, interno e externo, iniciada na Lua Nova de Virgem onde a realidade da vida interior se cumpriu como uma tarefa importante da maturidade humana no seu percurso de aperfeiçoamento evolucionário. Para os que apenas têm vindo a avaliar a sua existência mediante as suas habilidades externas, as posses materiais e os resultados palpáveis dos seus actos, muito provavelmente esta Lua Cheia veio desenterrar de modo algo abrupto uma certa raiva contida.

Quando interna e inconscientemente nos recusamos a amadurecer o fruto do Amor Divino em nós, essa recusa, de reconhecimento da necessidade natural de expressar o amor, torna-se tão fatal que não nos deixa libertarmo-nos dos medos e inseguranças que nos têm vindo a limitar desde cedo. Essas feridas que trazemos, presas, do passado e que se revelam por padrões de comportamento demasiado formais ou violentos, ou ainda através de respostas ou da permanência em estados infantis, mais tarde ou mais cedo, de uma forma ou de outra, acabarão por se revoltar e selvaticamente manifestarem-se.

alt AS PENUMBRAS PARTES DE NÓS MESMOS

Lua Cheia Virgem-Peixes

Esta é pois, a exemplo de outras recentes, mais uma boa oportunidade para uma reflexão profunda sobre as penumbras partes de nós mesmos que necessitam de compreensão, aceitação e integração. Mas, já não é suficiente ir lá limpar, chorar e sarar. É necessário sim, preencher esse vazio com amor, através de um dedicado e honesto serviço diário de entrega e alimento aos outros, á vida. É a mudança do paradigma da escassez pelo paradigma da abundância. Deixarmos de estar focados não tanto nas nossas necessidades, mas mais no que temos para oferecer.

Esta potente e dramática lunação, distintamente propõe-nos uma melhor compreensão dos universo e do importante significado de cada momento da nossa existência terrena. Tal e qual como “a beleza está nos olhos de quem a vê”, certamente este será um bom momento para podermos de uma forma consciente, agora que tudo na natureza se torna mais calmo, sentar, relaxar e respirar profundamente os cheiros do Outono a aproximar-se, antes de propriamente comentar ou julgar o que quer que seja. Seremos beneficiados se expandirmos a visão geral de nós mesmos, colocando-nos nos olhos da águia que do alto e à distância compreende amplamente qual a melhor situação e acção mais adequada a tomar.

Este exercício leva-nos a um outro nível de perspectiva, em que os detalhes de qualquer conflito desaparecem em favor de um ponto de vista intuitivo e consciencial sobre o que está realmente a acontecer. Uma vez alinhados com o nosso Eu Superior entramos confiantes em sincronia com a leis que regem a vida, em que nada acontece por acaso e que tudo acontecerá na hora certa.

Saudações d`Alma no Doce Amor Divino!

alt através da maturidade interior

Lua Nova de Virgem

 

através da maturidade interior

A Lua Nova de quinta-feira e o Eclipse Solar, iniciaram um ciclo de lunação bastante potente e dramático trazendo à consciência questões de grande importância espiritual, assim como o uso correcto das energias e das formas, através de contrastes entre as ilusões e a realidade. Durante este período a consciência existencial irá requerer uma luta pela conquista dos domínios, tanto externos como internos, em especial estes últimos, seja no sentido espiritual ou prático.

alt através da maturidade interior

Lua Nova de Virgem

A vida interior e o desenvolvimento da dedicação abnegada ao próximo estará ampliada aumentando o impacto no reconhecimento das suas necessidades mais profundas. Para tal o Amor verdadeiro, puro e singelo será necessário, livre de condicionamentos e exigências. Será necessário, também, auto-controlo, esforço e dedicação a ideais espirituais para se manter o Amor mesmo quando os problemas do quotidiano surgem. Para aceitar e cultivar o Amor são necessários cuidados e práticas diárias, como a meditação; importante estado de introspecção que se cumpre através da maturidade interior.

Esta supra sensibilidade às corrente vitais de energia impulsiona-nos de encontro à realização prática dos nossos ideais, bastando para isso fazermos as escolhas mais adequadas, no momento mais adequado, através de um sentimento de responsabilidade para com o Grande Todo. Saber aceitar e esperar, deixar amadurecer e merecidamente colher o fruto da nossa dedicação, sem perder a fé na vida e no Amor Divino. Em ambos os níveis, individual e colectivo, este ciclo traz-nos a oportunidade para o desenvolvimento das nossas qualidades humanas interiores de conexão, generosidade, cooperação, assistência, aperfeiçoamento, entre outras, de forma a podermos melhorar a situação social e ambiental que nos rodeia.

É necessário destrinçar entre o que é verdadeiramente importante e o que não é, entre as coisas valiosas e as sem valor, entre qualidade e quantidade, entre o que é real e o que é ilusório, para conseguirmos vencer o medo, e agir e viver com confiança e convictos de uma Ordem Maior que rege todas as coisas.

Durante este “útero do tempo” as experiências profundas, as crises lentas, suaves mas poderosas que operam e onde o Plano Divino amadurece, conduzem-nos ao nascimento da consciência do Amor Universal nos nossos corações, levando a Humanidade a um novo nível de evolução espiritual.

Saudações D`Alma no Doce Amor Divino!

alt desenvolvimento integral janelas d`alma

Curso de Desenvolvimento Integral – 3ª edição – 2016/2017

Saudações D`Alma,

Com o regresso de férias e a aproximação do início de mais um ano lectivo, venho divulgar a formação anual que facilito, indo este ano 2016/2017 na sua 3ª edição. Com um melhorado e mais abrangente design, o curso de Desenvolvimento Integral é dirigido a si, interessada(o) no seu auto-conhecimento e desenvolvimento pessoal.

alt desenvolvimento integral janelas d`almaO curso tem a duração efectiva de 9 meses. Tempo esse, durante o qual você é convidada(o) a emergir da matriz estruturadora e coerciva, rumo de encontro à liberdade criativa, o que será experimentado como uma sensação psíquica e orgânica, assumindo, assim, uma relação especial com o seu desenvolvimento psico-espiritual. Ao controlar a criação, o desenvolvimento e a repetição periódica das suas experiências, você adquire a mestria de si mesma(o), o que lhe permite o acesso a uma consciência mais ampla de vida.

O curso de Desenvolvimento Integral é uma formação que tem por base a linguagem simbólica, profunda e regeneradora da Astrologia Neo-Humanista, da Ayurveda e outras ciências da Cosmogonia Esotérica, e tem o propósito de fomentar e desenvolver o contacto com a Essência Interior de encontro à sua auto-cura. Estas linguagens e práticas acabam por reflectir imagens e movimentos internos, permitindo a transmutação de memórias, o reconhecimento de habilidades inatas e a expansão de consciência, ao mesmo tempo que possibilitam a concretização do seu processo de individuação no seio do colectivo.


Módulos

O curso é composto por quatro módulos:

  • Módulo I (04/Out a 06/Dez)

Pessoal – Crescimento Individual – Acção Subjectiva – Quem Sou Eu?

  • Módulo II (13/Dez – 14/Fev)

Social – Maturação Individual – Reacção Ambiental – Onde Estou?

  • Módulo III (21/Fev – 25/Abr)

Colectivo – Assimilação Social – Reacção – Para Onde Vou?

  • Módulo IV (02/Mai – 04/Jul)

Universal – Maturação e Experiência Social – Acção – Quem Quero Vir a Ser?


Data, horário, local e valor

  • Terças-feiras (1ª aula – 04/OUT/2016)
  • 19:30 – 22:30
  • Oeiras
  • €40/mês
Mais informações clique aqui. Consulte aqui a programação. E peça informações ou inscreva-se aqui.
Lua Cheia_

Lua Cheia Leão – Aquário

independentemente das taxas de juro da dívida

A Lua Cheia Leão – Aquário de ontem representa o reflexo da sensibilidade do coração na mente, ou seja, a inteligência une-se ao amor e vice-versa, o que por si só traz uma maior consciência do ponto de vista da Alma. Quando a mente e o coração estão unidos as intuições tornam-se o nosso verdadeiro guia, permitindo-nos reconhecer situações até então ocultas. Esta “voz do silêncio” desperta em nós o amor por toda a criação iluminando o nosso caminho, revelando-nos uma compreensão maior das relações entre todas as coisas.

Vivemos tempos incertos  e esta configuração da Lua Cheia, faz-nos perceber a vida superior que existe em nós, após a árdua tarefa de extinguirmos as coisas inúteis que fomos colectando ao longo deste ciclo lunar e ao longo desta vida.🙂 Este é certamente o momento ideal para nos entregarmos com confiança à vida e estabelecermos com clareza consciente a ligação espiritual com os nossos semelhantes.

Lua Cheia_A sociedade, em termos de psicologia social, enfrenta derradeiras provas de libertação do poder espiritual que lhe é inerente, o qual necessita de reclamar, de forma a conseguir livrar-se desta depressão que a subjuga. Estamos à beira de grandes mudanças e cada um de nós pode contribuir para que se encontrem soluções para os problemas da Humanidade que tanto afligem neste momento a sociedade.

Alguém, um dia destes, referia que o mundo está perdido; ao que respondi, que apenas estará perdido na medida da nossa incapacidade de ajudarmos as pessoas a salvarem-se. Enquanto a luz interior divina nos envolver e a dedicação aos outros e à vida permanecerem vivas no nosso coração, e enquanto subordinarmos os objectivos materiais aos nossos valores e ideais, haveremos de continuar a crescer e a desenvolver-nos espiritualmente, independentemente das taxas de juro da dívida, ou dos desejos egocêntricos, medos e inseguranças dos “governantes”. Para tal, é necessário desenvolvermos a sensibilidade superior.

Esta tensão crescente de forças, que temos vindo a sentir, entre a realidade objectiva exterior e a realidade subjectiva interior, permite-nos agora um olhar mais amplo e profundo sobre o processo de libertação emocional das nossas feridas e dores de amor. Algures no passado renunciámos ao amor e à compreensão, tendo cristalizado os nossos sentimentos e perdendo a força de irradiação do coração. Esta é uma boa oportunidade para sarar e cicatrizarmos essas feridas, e irmos de encontro àquilo que realmente somos – unos para com tudo.

É quando a luz atravessa as nuvens que se forma um arco-íris. Assim é a Luz da Alma que dá a verdadeira autoconsciência e a sensibilidade superior.

Abraço Cósmico no Doce Amor Divino!

 

 

 

Lua Nova_

Lua Nova de Leão

A Sensibilidade do Coração

A Lua Nova de Leão, de terça-feira, veio comungar e celebrar a existência do espírito nas suas mais diversas facetas da nossa vida interior, como que se de uma imagem de crianças a brincar sob um grande carvalho, abrigadas do sol, se tratasse. A procura da autoconsciência através do desenvolvimento de uma verdadeira autopercepção de envolvimento com o meio. Este é um ciclo que apresenta a necessidade de fazermos escolhas implícitas, neste processo de autoconsciência, as quais terão um papel fulcral na forma como iremos gerir as nossas actividades diárias.

De maneira, a obtermos uma melhor compreensão das energias que invocamos dentro de cada um de nós, seja através do mundo dos sonhos ou da vigília, torna-se necessário ganharmos consciência da nossa força interior, do nosso potencial criativo, reconhecendo o significado e o propósito da nossa vida. Aparte de algumas energias de antítese, que ora nos retêm, ora nos impelem em frente, este momento é fundamental para nos analisarmos, de modo a encontrarmos uma meta, um programa de vida por nós definido, desenvolvido e decidido.

À medida que entramos neste novo ciclo mensal, onde somos impulsionados de encontro aos outros, devemos de escolher entre, ir com tudo o que orgulhosamente conseguimos manter até aqui do EU ilusório😦 ; e o “deixar cair por terra” essas máscaras e ideias, fruto dos quesitos das situações pré-existentes e/ou pelas expectativas dos semelhantes, que resultam num comportamento artificial prestes a entrar em colapso. Sem sentido e em prol das inseguranças, dores e medos, tendemos a erguer muros impenetráveis de protecção, porque acreditamos na segurança que existe por detrás deles. É no encontro com os outros que podemos experimentar a abertura para o verdadeiro Ser, esse oceano interior onde ritmicamente pulsa um coração capaz de nos despertar para a dádiva, a partilha, o Amor.

Qual a base de valores que se encontra por detrás da espontaneidade dos impulsos com que reajo à vida? Onde começa a minha transformação? Onde tem início o papel que eu preciso de desempenhar para atingir os meus objectivos e o que eu quero? Estes jogos de força que tentamos manter constantemente sob apertado controle, de modo a não irromperem inconscientemente, são agora dispostos de forma vívida, pela vida, em verdadeiras experiências que temos vindo a atrair. Assim, a tarefa mais importante é desenvolver a sensibilidade do nosso coração aos impulsos exteriores e às necessidades dos outros, de modo a cultivarmos o verdadeiro Amor.

Abraço Cósmico no Doce Amor Divino!

Lua cheia_

Lua Cheia Caranguejo – Capricórnio

Acolhidos por uma Força e Amor que não são deste mundo

As fortes emoções que estamos a sentir nesta noite de Lua Cheia, bem visíveis para todos os que nos rodeiam, fazem parte do esforço de nos encaminharmos na nossa evolução espiritual e da capacidade de vivermos o Amor através dos nossos corações, por mais inconsciente que este esforço seja. Estas ondas emocionais que se esbatem contra a realidade de quem julgamos ser, trazem com elas as recordações, os insucessos e os desapontamentos amargos do passado que necessitamos de aprender a superar. Esta lunação intensa e forte é uma oportunidade para limparmos o passado e direccionarmos o nosso olhar para o horizonte espiritual com confiança e optimismo. A forma mais segura e livre de todos os perigos exteriores, de melhor empreender esta viagem, é navegarmos de encontro à nossa verdadeira essência, como seres individuais e colectivos que fazem parte de uma Humanidade Universal em ascensão.

Lua cheia_Socialmente atravessamos tempos extremamente difíceis, onde as múltiplas manifestações de polaridades conservadoras-idealistas têm-se feito sentir como uma característica marcante destas manobras políticas sobre o inconsciente colectivo. Existem, obviamente, lições espirituais a serem retiradas destes jogos ilusórios e enganosos, de limitação e restrição. Será através desta sensação compassiva de unidade entre todos os seres humanos que residirá a nossa resiliência, onde nos sentiremos acolhidos por uma Força e Amor que não são deste mundo. A melhor maneira de abraçar estes paradoxos é entregarmo-nos confiantes às forças interiores de Luz, Luz essa que surge da segurança, da união com o próprio Ser.

É agora o período para que todos possamos aprender a dar protecção e segurança às outras pessoas. Cabe a cada um de nós esse importante exercício de cidadania, desdobrar o nosso amor e cuidar de alguém ou de algo, protegendo-o contra os perigos de uma sociedade alienada do verdadeiro propósito de vida – o desenvolvimento e evolução de todos os seres.

A configuração desta noite obriga a que tenhamos em consideração as questões de enganos e decepções, levando-nos a questionar sobre os acontecimentos a que temos assistido nas nossas vidas ao nível pessoal, mas também social para podermos traçar uma linha, o mais clara possível, entre idealismo e ilusão. Estas são, realmente, águas difíceis de navegar, e não devemos ceder à desilusão e desespero, embora a tentação seja forte para o fazer. Em vez disso, deveremos elevar os nossos pensamentos uma oitava acima, com toda a nossa força e fé, a fim de estabelecer a alma humana como intermediária entre as forças naturais primordiais e a ordem intelectual. A energia segue o pensamento e o ser que pensa com o seu coração e sente com a sua mente encontra-se a um passo da mais nobre das realizações, colocando-se em contacto com as qualidades espirituais mais subtis. Estamos juntos!

Abraço Cósmico no Doce Amor Divino!

2 Lua Cheia

Lua Cheia Azul Gémeos – Sagitário

Momentos de Maior Investigação Interna

A Lua Cheia Azul Astrológica é um fenómeno que acontece, durante o mesmo período, quando uma segunda Lua Cheia tem lugar nos mesmos signos astrológicos que a anterior, potencializando assim, uma nova compreensão através da recapitulação de oportunidades passadas no início de um novo ciclo de experiências. Esta análise/exame, irá permitir a elevação dos padrões de valores intelectuais a níveis mais subtis para uso na vida da alma de cada um.

2 Lua CheiaIsso conjuntamente com o que temos vindo a lidar estas duas últimas semanas, tanto individualmente como socialmente, para além de alguma controvérsia, permitir-nos-á entrar numa nova fase de consolidação das mudanças que estão a acontecer, em ambos os níveis. De facto, é através de um notável contraste entre o mundo físico e o que está para além dele, que poderemos sentir, por um lado a necessidade de fazermos escolhas mais conservadoras e limitantes, impedindo certas medidas extremas e soluções inovadoras, e por outro, uma grande vontade libertária de romper com certos princípios “estabilizadores” idealistas e educacionais.

Há um chamamento visionário para irmos, além das formas estabelecidas, na direcção das intenções profundas da nossa alma. O caminho espiritual para o verdadeiro Ser, requer um recolhimento em si mesmo, uma reflexão sobre o essencial, sobre o rumo interior. Assim, atingiremos uma maior compreensão do que é que realmente estamos a fazer e a ser, preparando desse modo a entrada num novo estágio de desenvolvimento.

Ao longo deste período poderemos ter momentos de grande paixão, onde as chamas acabarão por consumir as escolhas e acções mais duvidosas. Ao mesmo tempo poderemos detectar uma viragem para momentos de maior investigação interna, que proporcionarão a resolução de enigmas da nossa existência pessoal e colectiva, descobrir onde estamos retidos por medos e organizarmos as partes que dentro de nós necessitam de mudanças profundas.

E, porque semelhante atrai semelhante, cada um na sua consciência pode unir-se, sincronizar-se ou integrar-se com quem possui vibrações similares, sintonizando-se através do coração, esse mecanismo naturalmente selectivo, pelos laços de Amor, à aquilo com que temos mais afinidade. Desta forma, tornamo-nos unos com a essência e com o verdadeiro Ser que se oculta em cada ser humano.

Abraço Cósmico no Doce Amor Divino

 

lua nova_gémeos

Lua Nova de Gémeos

Para Nos Unirmos Numa Síntese Fluída

Um aspecto a ter em mente, ao avaliar a potência e a capacidade cheia de luz da configuração desta Lua Nova, é sem dúvida, a importância de sabermos o caminho a percorrer (o querer vir a ser), que reside na sabedoria adquirida, não só pelo caminho já realizado, mas também pela conexão com a essência da matriz do que somos nuclearmente.

lua nova_gémeosTodos nós temos os nossos momentos mais optimistas, mas como se costuma dizer, o segredo está nos pequenos detalhes. Ou seja, o trabalho do nosso desenvolvimento evolutivo tem problemas inerentes em realmente fazer acontecer o que idealmente desejamos. É por isso necessário neste momento, darmos valor ao sentido e forma como manifestamos e expressamos os nossos pensamentos, e sabermos transmutar os padrões estruturais da nossa psique, através da conexão interna com o que poderemos designar um acto de fé, com confiança e entrega.

Equacionar a dualidade do que somos orienta-nos para os relacionamentos, que durante este período serão uma questão vital para nos unirmos numa síntese fluída, assente no Amor Universal, disposta a enfrentar contradições e desconfianças pessoais ou colectivas. Uma presença mais fundamentada na configuração desta noite pode manifestar-se como uma reacção participada de procura sensata de uma certa estabilidade, dizendo não ao impulso para a liberdade a qualquer custo, criando factores de luta dentro da nossa psique, ou então garantindo a necessidade de planearmos algum tipo de acção adequada.

Por maior que sejam as distâncias, por mais conscientes que estejamos das limitações do espaço-tempo desta existência comum, as energias que baixam neste momento ao planeta impelem-nos para as comunicações telepáticas, inspirações brilhantes e viagens transcendentais. Toda essa força de propensão mágica impulsiona-nos para o caminho, e apesar dos nossos medos e inseguranças, há uma determinação inerente de suporte, mas apenas, quando simplesmente nos deixamos conduzir com fé no universo para nos guiar.

As pressões de transformação a que temos assistido este ano estarão bem presentes ao longo de todo o período deste ciclo de lunação bastante intenso e dinâmico. Quando aceitamos integrar na nossa estrutura a compreensão das realidades básicas em todas as situações com as quais nos relacionamos, quando aceitamos sincronizarmo-nos em consciência com os nossos ideais colectivos através das vibrações positivas da alma de cada um, estaremos a renovar a nossa identidade de alma colectiva e a fundamentar a reciprocidade do Amor Universal entre nós.

Abraço Cósmico no Doce Amor Divino

lua cheia_

Lua Cheia Gémeos – Sagitário

Cheira a Primavera! A motivação da União

Esta noite celebramos a Lua Cheia de Gémeos que na sua plenitude nos traz uma profundidade de compreensão numa consciência em permanente contacto com as fontes da Vida. Durante esta Lua Cheia invocamos e derramamos para a Humanidade as forças do Amor, da Luz e da Boa Vontade. Esta imagem colectiva é uma obra em constante criação para a maioria de nós que promovemos e catalisamos profundas mudanças na vida.

lua cheia_Assim, como dois amantes se aproximam, penetram-se para se tornarem um, assim os opostos em nós deverão amar-se alquimicamente num amor compreensivo que actua com firmeza e decisão e que trabalha para o todo. Este potente alinhamento interior, através da fusão com o cerne mais íntimo do nosso Ser, que temos enfrentado nestas lunações anteriores, traz-nos agora um grau de optimismo na nossa abordagem às respostas mais importantes. No entanto, esta vibração positiva necessita ser temperada por um sentimento de alguma restrição e cautela.

Estamos neste momento muito conscientes das grandes mudanças que precisamos fazer, para termos uma vida mais alegre e produtiva, e embora o medo do desconhecido nos tente assolar de volta aqueles lugares no passado onde ficámos presos e onde nos tenta ainda reter, é agora a hora de mantermos as nossas cabeças erguidas e aproveitar a intensa corrente do momento para navegar na direcção mais adequada. A de salvarmos a Alma da Humanidade em nós, através do reconhecimento dos nossos semelhantes (pessoas, animais, natureza), nas suas necessidades e capacidades, para unidos no coração, nos elevarmos e sermos Um.

Cheira a Primavera! A motivação da União, numa relação mais íntima entre a qualidade cósmica do Amor e a Humanidade. A nossa sensibilidade etérea está activada, o que nos permite circular por espaços psíquicos, como que, de um barco de casco transparente que navega sob maravilhas submarinas se tratasse, trazendo-nos ideias brilhantes e visões vívidas que nos ajudarão a confiar no Universo, mesmo que apenas se realizem a longo prazo na nossa vida.

Abraço Cósmico no Doce Amor Divino!

A Foto de Uma Árvore não é a Árvore

IMG_0720“A qualidade natural da realidade, a sua essência, aroma, sabor, cor e beleza não podem ser influenciadas por uma fotografia que se tire dela.”